Rosa do Deserto: Como cultivar da Maneira correta

Rosa do Deserto: Como cultivar da Maneira correta

O cultivo da Rosa do Deserto no Brasil tem ganhado popularidade nos últimos anos no cultivo de plantas ornamentais devido ao seu formato com caule grosso e galhos que resultam em lindas flores, entretanto as pessoas começaram a ter dúvidas sobre o seu cultivo.

Neste artigo você vai conferir como cultivar uma rosa do deserto da maneira correta em casa.

im - cultivo da rosa do deserto - fonte: lavoview via canva
img – cultivo da rosa do deserto – fonte: lavoview via canva

O que é a Rosa do deserto?

Antes de começar, vamos relembrar que a rosa do deserto (Adenium obesum) é uma planta suculenta e herbácea originária da Arábia e África que são países com climas mais quentes e áridos, o que faz justo ao seu nome popular.

Possui folhas pequenas e o caule e raiz são grossos para acumular e reservar água para aguentar grandes períodos sem receber água, o seu tamanho pode chegar a 4 metros quando plantada diretamente no solo, só que normalmente é cultivada em vasos.

Como cultivar a rosa do deserto?

No cultivo da rosa do deserto, a maior parte dos amantes de jardinagem opta por cultiva-lá em vasos como planta ornamental com técnicas de bonsai. Isso resulta em uma planta menor e os seus cuidados são simples, o ideal no cultivo é criar um ambiente o mais próximo possível da região de origem.

Qual o local correto?

O local precisa receber pelo menos 6 horas de sol direto, pois estamos falando de uma planta que ama receber sol e vive em ambientes áridos e secos, então varandas e jardins expostos ao sol são uma boa opção de local e evitar locais que os animais tem acesso, pois é uma planta tóxica aos pets.

Qual o substrato que a Rosa do deserto gosta?

O substrato da rosa do deserto precisa ser bem drenável! O ideal é que não acumule água, pois não queremos que a planta sofra com apodrecimento.

Uma mistura que pode ser feita é utilizando os seguintes materiais: Terra vegetal, Areia, Brita ou Pedrisco, Casca de pinus e Carvão vegetal.

A mistura deve ter a seguinte composição – 40% Terra vegetal, 40% Areia e 20% demais componentes. A casca de pinus e carvão mineral precisam ser triturados para ficarem em tamanhos menores e a brita ou pedrisco deve ser utilizado no fundo do vaso para criar base.

Dica adicional: Antes de triturar a casca de pinus faça uma limpeza com água para diminuir a quantidade de tanino presente.

Caso você não tenha tempo para montar o próprio substrato, deixamos uma opção de compra: Substrato forth rosa do deserto 2 kg

Que tipo de vaso é o sugerido?

O vaso para a rosa do deserto vai variar de acordo com o momento de vida da planta, normalmente, em plantas adultas é utilizado vasos no formato bacia ou vasos de cimento. Confira o nosso material sobre vaso para rosa do deserto completo

Como regar uma rosa do deserto?

A irrigação da rosa do deserto deve ser feita 1x por semana no verão e 1x a cada 15 dias no inverno. Atenção! Ela odeia solo encharcado, então deixe o solo secar bem entre as regas para evitar que as raízes possam acabar apodrecendo.

Uma alternativa é utilizar vasos de barro ou plástico que ajudam a secar mais rapidamente e lembre-se que muita água e pouco sol vai fazer que a planta apodreça.

Como adubar a rosa do deserto?

Caso sua planta seja nova e que ainda não floresceu, você pode fazer a adubação com adubo NPK ou adubo específico para rosa do deserto utilizando uma pequena quantidade em uma colher do chá distribuindo pelas bordas do vaso para evitar contato direto com o caule e raízes.

Agora se a sua planta for adulta e estiver florescendo, utilize adubos granulados com composição 15-30-15 ou 4-14-8 em intervalos de 60 dias (2 meses) ou uma colher de fertilizantes líquidos diluído em 1 litro de água no intervalo de 15 dias no susbtrato.

Quando fazer a poda?

O momento da poda é quando a planta está sem flores e fora do inverno, então evite podar a rosa do deserto quando estiver na floração. O objetivo da poda é para deixar o formato de copa circular ou triangular, isso em casos onde a planta não apresenta uma copa bem formada. Além disso, após a primeira poda vai levar cerca de 6 meses para florescer e cada poda pode resultar em 2 novos galhos.

Quando for podar utilize uma tesoura de poda que é uma ferramenta de jardinagem esterilizada com álcool e extrato de propolis na área do corte para ajudar a selar e evitar contaminações na planta.

Gostou de conhecer mais sobre o cultivo da rosa do deserto?

Como você conferiu, o cultivo da rosa do deserto não é difícil, o que vai precisar é criar o ambiente mais próximo ao que a planta possui no habitat natural para que possa ter um desenvolvimento pleno e saudável.

Esse artigo teve como base o Cultivo artesanal de rosas do deserto – Guia prático do instituto federal do Espírito Santo – Campus de Algre no PPGA – Programa de pós-graduação em agroecologia.

Aproveitamos esse momento para te convidar a deixar o seu comentário compartilhando o que você achou interessante e continr acompanhando os materiais sobre plantas do nosso blog Verde na Web!

Referências:

Verde na Web

Verde na Web

O site "Verde na Web" é gerenciado com dedicação ao cultivo de plantas, à produção de conteúdos que solucione questões e problemas relacionados à jardinagem buscando estimular a prática da jardinagem fornecendo conteúdo relevante e acessível, aumentando o conhecimento sobre e promovendo um maior contato com a natureza. Oferecemos conteúdos qualidade, incluindo dicas para cuidar de plantas, criar hortas, conhecer espécies de flores, plantas, suculentas, cactos, além de ideias de decoração e projetos de faça-você-mesmo

Deixe o seu comentário! Os comentários não serão disponibilizados publicamente

Otimizado por Lucas Ferraz.