4 Técnicas para Fazer Suculentas Coloridas!

HomeSuculentas4 Técnicas para Fazer Suculentas Coloridas!

Publicado em

Categorias:
RodaZen
Loja de Produtos Zen

Compre produtos Zen, como estatuas, incensos, incensários, pedras e muito mais.

Se você adora suculentas, tenho certeza que você vai ficar ainda mais apaixonado quando conferir como fazer suculentas coloridas!

Vermelho, azul, rosa, lilás, …  as opções para você decorar seus vasinhos ou até o seu jardim são enormes! Além de deixar o ambiente muito mais alegre e divertido.

Confira a seguir, as 4 técnicas mais conhecidas da internet para colorir suculentas e escolha a sua preferida! Depois, escreva um comentário no final do artigo contando para a gente qual foi a sua escolhida, vamos adorar saber 🙂

Artigos que podem ser do seu interesse:

Top 5 Tendências na Jardinagem 2021: Conheça!

Como Regar Suculentas? Dicas para não errar nunca mais!

7 Ferramentas de Jardinagem indispensáveis para um Jardim

Suculentas coloridas

Técnica Natural – Sol, Frio e Água:

Você sabia que a suculenta pode mudar de cor, simplesmente trocando ela de lugar? Alguns fatores naturais como maior exposição ao sol, escassez de regas e diminuição da temperatura, influenciam diretamente no desenvolvimento da planta e ativam substâncias que a deixam colorida (fator conhecido como stress hídrico).

Conheça abaixo os principais motivos para deixar uma suculenta colorida:

  • Algumas espécies podem apresentar uma coloração mais esverdeada ou amarelada ao expor mais a planta ao sol. Só tenha cuidado para não deixar a suculenta exposta nos horários mais quentes do dia, para não queimar as suas folhas. 
  • Aumentar o período de regas na sua suculenta, também pode fazer com que ela mude de cor! Já que a escassez de água é uma habilidade que essa planta desenvolveu para suportar períodos de seca. 
  • Estações frias também fazem a suculenta mudar de cor. Já que no outono e inverno, a planta recebe menos luz solar. É comum que nessas épocas do ano, você perceba suas suculentas mais escuras, com tons de vinho, roxo e até verde.

Corante Alimentar:

Você também pode alterar a cor da sua suculenta, a partir de corante alimentar.

Essa técnica ficou muito conhecida, porque você tem a possibilidade de escolher a tonalidade de cada planta e aí, a criatividade é o limite: azul, laranja, rosa, … escolha a sua cor preferida!

Para utilizar essa técnica, é muito simples: dilua uma colher (de chá) de corante alimentar em 250 ml de água, mexa e coloque o líquido em um regador.

Despeje todo esse líquido diretamente no substrato da suculenta, como se fosse uma rega. Após um ou dois dias, a planta terá absorvido o corante alimentar enquanto suga sua água. E com a substância no seu organismo, ela começará a mudar levemente de coloração.

Sal Amargo:

O sal amargo, conhecido como sulfato de magnésio ou laxante (isso mesmo, laxante!), também é muito utilizado para colorir suculentas! Apesar de ter uma função diferente no corpo humano, essa substância promove um pequeno stress hídrico na planta, fazendo com que a mesma fique colorida.

Para aplicar sal amargo, é necessário diluir uma colher (de sopa) em um litro de água e mexer bem. Depois, transferir esse líquido para um borrifador, para ajudar a distribuir a substância em toda a planta.

Borrife a mistura uma ou duas vezes sobre cada folha da suculenta, exageros não se fazem necessários, tudo bem? E após alguns dias, quando a planta absorver toda a substância, ela começará a mudar de cor.

Importante: após utilizar essa técnica, não coloque sua suculenta no sol! Caso contrário, suas folhas podem desidratar e até cair. 

Quelato de Magnésio:

O Quelato de Magnésio é uma substância utilizada como relaxante muscular. Por isso, também é muito fácil adquiri-lo em farmácias.

Seu princípio ativo é muito parecido com o sal amargo, ou seja, ao aplicar essa substância nas suculentas, as mesmas sofrerão um pequeno stress hídrico, promovendo sua troca de cor.

Para preparar essa técnica, é necessário diluir meia colher (de sopa) de quelato de magnésio em 5 litros de água e depois transferir parte desse líquido para um borrifador.

Borrife também uma ou duas vezes em cada folha e evite expor a planta ao sol após o procedimento.

Não se esqueça: as aplicações do sal amargo e do quelato de magnésio devem ocorrer uma vez por semana, tudo bem? Caso você aplique mais vezes, pode prejudicar o desenvolvimento e o cultivo da sua suculenta.

Ah! E lembre-se de aplicar essas técnicas somente se a sua suculenta estiver saudável. Suculentas com problemas de saúde devem ser tratadas, para depois ficarem coloridas.

E se você perceber que sua suculenta começou a apresentar alguns sintomas adversos a partir do momento que você iniciou uma das técnicas, suspenda imediatamente, pois é sinal que a sua planta não se adaptou muito bem a ela.

Gostou de conhecer dicas de como colorir suculentas? Então acompanhe mais conteúdos na nossa categoria de suculentas no nosso blog.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

André Oliveira
André Oliveira
O site "Verde na Web" é gerenciado com dedicação ao cultivo de plantas, à produção de conteúdos que solucione questões e problemas relacionados à jardinagem buscando estimular a prática da jardinagem fornecendo conteúdo relevante e acessível, aumentando o conhecimento sobre e promovendo um maior contato com a natureza. Oferecemos conteúdos qualidade, incluindo dicas para cuidar de plantas, criar hortas, conhecer espécies de flores, plantas, suculentas, cactos, além de ideias de decoração e projetos de faça-você-mesmo
Fique por Dentro!

Cadastre-se e fique atualizado dos últimos artigos do Verde na Web

Artigos Relacionados